RSS

Páginas

sábado, 27 de fevereiro de 2010

Compostagem

Nós já sabemos que tem mta gente por ai com criatividade de sobra, inventando coisas lindas com a reciclagem e a reutilização de mtos materiais que iriam virar lixo como: plástico, vidro, papel, alumínio e etc... dando assim uma mãozinha para o nosso planeta.
Mas e o lixo orgânico: (cascas de fruta, aparas de verdura, restos de alimentos, borra de café, saquinhos de chá e etc.) tem como reutilizar também???

Afinal, esses resíduos provocam diversos tipos de problemas, como:
. Poluição atmosférica durante a incineração e por arrastamento de materiais pelo vento.
. Odores desagradáveis.
. Fogos perigosos nos aterros, produzidos pela libertação de biogás – metano, amoníaco – altamente inflamável.
. Contaminação de águas subterrâneas e superfíciais através da escorrência e infiltração.
. Contaminação de solos.
. Presença de roedores e insectos, transmissores de várias doenças.

A boa notícia é que esse material pode ser reutilizado sim... existe um sistema que converte resíduos orgânicos em fertilizante natural chamado de COMPOSTAGEM.
E essa compostagem pode ser feita em casa mesmo, com a criação de um MINHOCÁRIO:  Uma fazenda de minhocas que ajuda a reciclar os restos de comida e transformar o substrato em húmus, um composto muito rico que pode ser usado como biofertilizante em hortas e jardins.
Trata-se de um sistema fechado, composto por três caixas plásticas empilhadas. No compartimento do meio, uma colônia de minhocas de duas espécies -vermelha da Califórnia e gigante africana- se alimenta de sobras de alimentos, folhas secas e papel, convertendo-os em dois tipos de adubo: húmus e um biofertilizante líquido.



Se na lixeira convencional o lixo cheira mal, no minhocário isto não ocorre. Não há fermentação porque a relação entre nitrogênio (lixo molhado) e carbono (matéria orgânica seca) é balanceada na proporção de um para dois, respectivamente.
Quando há excesso de nitrogênio, o lixo fica muito úmido, entra no estágio anaeróbico e fermenta.
O carbono tem a função de aerar o sistema, de criar canais de ar.
O sistema gera um líquido com pH neutro usado como adubo folhear ou na rega. “Quanto maior for a diversidade dos restos alimentares, mais rico será o adubo.
As vantagens no minhocário:
-ser compacto;
-não gerar mau cheiro;
-não atrair ratos nem baratas;
-não demandar os cuidados requeridos por uma composteira tradicional;
-ser auto-regulável: "As minhocas se adaptam de acordo com o espaço físico e a quantidade de comida disponível. Podem ficar até três meses sem receber alimentos. Não morrem, só diminuem ou param a reprodução".

Bom... agora que já sabemos que fim ''ou melhor: recomeço'' dar para o nosso lixo orgânico, porque não propor á familia uma atividade diferente neste fim de semana: fazer um Minhocário?
Ele só vai ocupar um cantinho da sua casa e vai trazer um benefício sem tamanho...
Se quizer mais informações para construir o seu, segue abaixo alguns sites que dizem tudo sobre o assunto.

...E vida longa as minhocas!
Bjs

http://www.lixo.com.br/
http://www.minhocasa.com/
http://www.naturlink.sapo.pt/
http://www.maiscommenos.com/

1 comentários:

Jose. disse...

é um tema muito interessante.

Postar um comentário

Esse Cantinho é todo seu... me diga o que achou e volte sempre!

 
Related Posts with Thumbnails